26 de mar de 2016

Pois é, cá estamos de novo na Páscoa. Só que desta feita sem papoilas e com noites muito frias... muito provavelmente estão relacionadas. Neste curto período - que pena ser tão curto - abrandamento de trabalho aqui ficam algumas imagens de eventos  em que participamos/assistimos nas últimas duas semanas:

O II Fórum Ibérico do Tejo, em Vila Franca de Xira, 19 e 20 de Março, com cerca de 20 oradores, metade deles castelhanos e andaluzes. Muito interessante, onde se realça a excelente intervenção de Carlos Teigas, investigador da U Porto e empresário - que não se limita a pôr questão mas arregaça as mangas e vai para o terreno apresentando resultados palpáveis, objectivos  e muito, muito positivos (este é cá dos meus não se limita a reflectir, age!). Só foi pena que nas conclusões  os aspectos patrimoniais identitários das populações ribeirinhas  ficassem relegados para segundíssimo plano, como se as mais valias se medissem apenas em termos turístico-economicistas.
Na imagem com os Profs Carlos Lopes Bento e (o Amigo) Vermelho do Corral

Mas na semana anterior já tínhamos estado no Feijó, no Clube Recreativo, onde os nossos "Amigos do Alentejo", organizaram , no dia 12 o "5º encontro de coros feminino alentejanos" com a participação de: "Grupo Coral Etnográfico As Ceifeiras de Entradas";As Papoilas" de A-do-Corvo, também do concelho de Castro Verde; "Grupo Coral Feminino Vozes de Barrancos"; "Grupo Coral Feminino de Viana do Alentejo"; "Grupo Coral Feminino Recordar a Mocidade, do CIRL", Laranjeiro e o grupo organizador.



































No dia 19 foi o grande dia.
O "Grupo Coral Etnográfico Amigos do Alentejo do Feijó", assinalou, com grande grande festa o seu 30º Aniversário, momento de grande emoção a que tivemos o grato prazer de nos associar, oferecendo, em nome do CEDA e da Revista Memória Alentejana a última edição da Revista justamente "O Cante na Diáspora" e o CD "Cante na Diáspora" - patrocinado solidariamente pela Junta de Freguesia de Laranjeiro e Feijó, que ainda aguarda data de lançamento, mas que está a ser muito solicitado nesta fase inicial de distribuição aos grupos participantes, municípios alentejanos através das respectivas Comunidades Intermunicipais  e entidades apoiantes.

Foi uma festa bonita e fraterno de Cante e música popular que acabou com o tradicional jantar de grão, onde os valores da cultura alentejana marcaram orgulhosamente presença!


Nenhum comentário: